Técnica de Produção, Reportagem e Redação Jornalística

Sidney Sheldon um dos maiores best sellers da história

Posted in Cultura by micheletavares on 14/12/2010

Por: Emily lima

“Se realmente quer se suicidar Sidney eu compreendo, mas odeio vê-lo fechar o livro tão cedo e perder toda a emoção da pagina seguinte, a pagina que você vai escrever.” Essas foram palavras ditas por seu pai após surpreendê-lo em uma tentativa de suicídio, com apenas 17 anos.

Sidney Schechtel um jovem que teve uma infância conturbada por brigas entre seus pais, mudanças constantes de cidade, ausência de amigos e uma condição social a baixo da média, consegui driblar as dificuldades tornando-se Sidney Sheldon um dos maiores Best Sellers da história, com mais de 300 milhões de livros vendidos, sendo listado no livro dos recordes de 1997 como o autor mais traduzido no mundo tendo livros em 51 idiomas.

Sheldon era um jovem tímido, dizia sempre que o primeiro medo de um homem era a morte e o segundo era falar em público, no caso dele falar em público era o primeiro. Nascido em Chicago em 11de fevereiro de 1917, e sendo o filho primogênito foi muito incentivado pela mãe a ler, recebeu também seu infinito apoio quando declarou a sua vontade de ser escritor, Sidney sempre foi muito ansioso e sonhava com o dia em que seria conhecido em todo mundo, previsão feita por Bea Factor uma amiga sensitiva de sua mãe. Além da ansiedade ele também apresentava um comportamento compulsivo em sua época de faculdade decidiu cursar todas as matérias possíveis a ele, começou a trabalhar de garçom, em uma drogaria, chapelaria e no jornal da faculdade, com todas essas atividades ele ainda queria encontrar mais uma atividade para o tempo que lhe sobrava.

Sidney começou sua carreira de grande autor como roteirista, desde aí já começou a ser bem sucedido, seriados como jeannine é um gênio se tornaram um sucesso o qual não era atribuído a ele, o tempo passou e finalmente ele resolve da vez ao seu sonho de escrever livros. Logo em sua primeira obra outro aspecto bastante influenciador em sua personalidade teve grande evidência em sua vida, por ter psicose maníaca depressivo, que hoje é conhecido como síndrome bipolar, após o lançamento do seu primeiro livro A outra face, por ter tido uma vendagem de apenas 17 mil exemplares, ele por já ser acostumado a escrever roteiros vistos por milhões de pessoas, deixou que a depressão tomasse conta, e acreditou que este era seu primeiro e ultimo livro.

A obra seguinte do autor O outro lado da meia noite foi um completo sucesso, disparou como um Best Sellers ficando por 52 semanas na lista dos mais vendidos do New York Times, após esta criação a promessa de Bea Factor se cumprira, neste momento Sidney começou a escrever vários livros deixando transparecer mais um aspecto pessoal, o seu lado meio feminista, personagens como Lara Cameron, Dana Evans, Jennifer Parker, entre outras, são exemplos de mulheres competentes, inteligentes, fortes e bem sucedidas, tornando um exemplo para as leitoras, além do incentivo profissional, desta maneira Sidney tem o dom de acariciar o ego feminino.

Sidney Sheldon foi ansioso, depressivo, tímido, mas sobretudo foi brilhante em suas criações, demonstrou inteligência, altivez e sensibilidade ao criar mulheres brilhantes em meio a uma sociedade ainda machista, por todos esses motivos Sheldon mesmo não estando entre nós desde de 2007, ainda é conhecido como mestre.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: